• Geografia de um Retrato

GÊNERO:  Poesia                         

FORMATO: 13X18     | ANO: 2017               

PÁGINAS: 72  | Pólen Bold 90 gr




SINOPSE:

 O título “Geografia De Um Retrato” inevitavelmente conduz o leitor a associação deste livro de Vlademir Lazo com a grande obra de Oscar Wilde, “O Retrato de Dorian Gray”. A temática do culto a beleza através de um tangível retrato, simboliza a capacidade da obra de arte de absorver a alma humana, no entanto, o que resta ao homem é apenas sua frágil carcaça oca, desprovida dos valores animados de um ser vivo pleno e completo. Seguindo esta inspiração de Wilde, os vários poemas de Vlademir provocam o leitor falando da fragilidade da vida, fazendo afrontações aos valorizados padrões sociais, com críticas à maneira do homem de exaltar a aparência física em demasia. Já na abertura da obra, o primeiro poema “O mar e o velho” escancara a inevitabilidade do destino dos seres humanos, que terão toda sua potência da juventude reduzidas a fragilidade de um corpo velho. Vlademir Lazo veio realmente para escancarar a situação da modernidade, falar do desamparo dos homens, de suas fortes desorientações, como em “Coração Sobre Tela”, poema no qual a realidade é versada com  violência, trazendo a declaração de uma morte certeira, a qual aguarda todos os seres como ponto final, sejam eles imperadores, animais ou homens, “escorpiões enjaulados / farejam os abismos / e os enganos confinados / em móbiles de cemitérios”. “Geografia De Um Retrato” é como um dedo riste na face, uma mão brusca a retirar os véus dos olhos mostrando que há na atual maneira de viver, uma situação crítica que precisa ser repensada, no entanto esta reflexão deve ser feita com humildade, pois este escritor não aceita idealizações, antes poetisa a volatilidade e brevidade da vida.



Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Geografia de um Retrato

  • R$34,00

Etiquetas: Lampejos