• O Homem Que Plantava Aves

GÊNERO:  Contos                 

FORMATO: 14X21 | ANO: 2017             

PÁGINAS: 184| Pólen Bold 90 gr


SINOPSE:
                Com um conjunto de 14 contos e uma fábula Gociante Paltissa constrói suas histórias explorando um enredo criativo, único. Na história que dá nome a obra “O Homem que Plantava Aves” a ficção constrói-se sobre a história de um povo rural devoto a natureza. A narrativa de Paltissa marca-se como uma escrita crítica, que pela construção de um humor fino destila suas críticas contra os paradigmas do homem. Ainda na história, este povo rural citado enrijeceu-se sobre a crença de que as pessoas portadoras de deficiência não podiam ter seus direitos igualados as das ditas pessoas sadias; a ficção do escritor irá se desenvolver no sentido de desconstruir a barreira de preconceitos levantados pela sociedade. Esta acidez singular de Paltissa também se mostra na história “A Meia- Viagem do Senhor Serviço”, na qual a narração denuncia a hipocrisia inerente aos status sociais, através da elaboração do humor, com isto, astutamente o escritor marca seu ponto de vista trazendo ao final dos seus contos a comicidade dos desconexos preconceitos humanos, que quase sempre recaiam sobre a mesma população que os criou e sustentou. Com a característica de um escritor-parodista, Gociante Paltissa cria suas histórias com uma escrita concisa e leve, porém estruturada pelas palavras de um homem que enxerga além da construção social, tão aceita, mas tão necessária de ser repensada.




Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

O Homem Que Plantava Aves

  • R$35,00
  • R$20,00

Etiquetas: Editora