• Às Vezes Acontece-me Esquecer Quem Sou

GÊNERO:  Ficção                     

FORMATO: 14X21 | ANO: 2016               

PÁGINAS: 90| Pólen Soft 90 gr




SINOPSE:

A prosa de “Ás vezes acontece-me esquecer quem sou” é minimalista, cria seus enredos a partir das ideias que as palavras têm a capacidade de trazer. Este estilo aparentemente simples, enriquece-se na utilização das palavras com os seus enlaçamentos nas temáticas humanas. Os temas são trazidos na obra pela divisão de três partes, nos quais, cada pequena prosa recebe um número. Os trechos são curtos e as breves linhas são um convite a um mergulho nos sentimentos trazidos pelo autor. Nas dezessete linhas iniciais, o autor explora a temática do esquecimento das coisas triviais, apontando o essencial, que seria reconhecimento do ser. Embora o estilo utilizado par Luís Ene neste livro, seja o da abordagem mimética, sem excessivos decoros para as palavras, a temática é profunda, pois o autor chega a dizer que mesmo lembrar o nome é algo trivial - o que aparentemente seria um esquecimento absurdo - porém se secundariza quando comparado ao mais essencial, que é lembrar de ser. Destaque para as provas são suas ideias reflexivas, mais do que a contemplação estilística trazida por um prosador-poeta. O autor deixa claro a intenção de convidar o leitor a captar os conceitos trazidas nos conjuntos das palavras, mostrando que a intensidade pode vir da simplicidade, o que de certa forma é um paralelo para a própria vida, pois o cotidiano, acessível e simples, é o lugar-tempo, no qual o homem tem em si despertos as várias gamas de suas emoções, que são, por sua vez, complexas.



Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

Às Vezes Acontece-me Esquecer Quem Sou

  • Autor: Luís Ene
  • Modelo: P092
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$35,00
  • R$19,00


Etiquetas: MicroLux